CDI Acumulado em 12 meses

CDI em Abril 2022

CDI Acumulado em 2022

Remessa online com a menor taxa do mercado?

Saiba mais

Ver valor do Dólar Hoje

CDI Acumulado - 25/05/22 às 16:52

CDI Valor
CDI Acumulado
em 12 meses
7,13 %
CDI
Abril 2022
0,83 %
CDI Acumulado
em 2022
3,29 %
CDI
 a 

Remessa online com a menor taxa do mercado?

Saiba mais

Ver valor do Dólar Hoje


SIMULADOR

Confira o impacto dos principais índices econômicos através de simulações!

Os resultados deste simulador são apenas exemplos, e não servem como parâmetro de conferência para dados passados ou futuros.

Índice
Data inicial
Data final
Valor inicial
(R$)
CDI
(% a.a)

CDI acum. 12 meses = 7,13%


A taxa do CDI acumulado em 12 meses é 7,13%.

A taxa do CDI em Abril 2022 é 0,83%.

A taxa do CDI em 2022 é 3,29%.

O conteúdo abaixo é de caráter exclusivamente informativo.

O que é o CDI ?

Sigla para Certificado de Depósito Interbancário, o CDI é um título emitido entre bancos e instituições financeiras. Por causa da sua natureza, entretanto, também funciona como uma taxa e indicador econômico.

O CDI surgiu na década de 1980, com o objetivo de facilitar o atendimento às novas regras do setor bancário, especialmente em relação à liquidez.

Como o CDI é calculado?

O CDI é obtido a partir de uma operação simples: o empréstimo entre os bancos. Nesses casos, as instituições têm até 24 horas para devolver o dinheiro, sobre o qual é cobrado uma pequena taxa.

O CDI é calculado a partir da média entre todas essas operações, que são feitas para que os bancos fechem o dia no azul. Desse modo, a variação é diária, mas o consolidado é mensal ou anual.

Quais são os impactos do CDI na economia?

Apesar de as operações acontecerem entre os bancos, o CDI tem tudo a ver com a condição atual da economia. Afinal, quando há uma restrição ao crédito, é comum que as pessoas façam mais saques e deixem menos dinheiro com os bancos. Isso amplia o volume de empréstimos e, com a elevação da demanda, há um aumento no total.

Além de tudo, há uma arbitragem que determina que o CDI e a Selic, sejam equiparados. O valor dos depósitos interbancários, normalmente, é um pouco menor que a taxa básica de juros. Porém, eles caminham juntos para que uma alternativa não se torne mais interessante que a outra na hora dos empréstimos públicos e privados.

Então, ele também tem influência (e é impactado) pela situação econômica. Afinal, quanto maior o indicador for, maior é a dificuldade de acesso ao crédito e maiores são os sinais de crise financeira.

Quais são os impactos do CDI nos investimentos?

Ao falar em títulos privados, há muitos índices que acompanham esse valor. O Certificado de Depósito Bancário (CDB) e a Letra de Câmbio Imobiliário (LCI) e do Agronegócio (LCA) são algumas possibilidades. Normalmente, variam com uma porcentagem do índice e podem, até mesmo, ultrapassar 100%.

Quando o CDI aumenta, portanto, esses investimentos se tornam mais rentáveis e vice-versa. Portanto, é um indicador capaz de causar impactos diretos nos ganhos com os títulos privados.

Por que acompanhar os valores do CDI?

Para quem investe, prestar atenção ao desenvolvimento do CDI é essencial para entender o rendimento de cada contrato e onde estão as melhores oportunidades. O acompanhamento favorece até a identificação da necessidade de liquidação antecipada.

Além disso, ficar atento ao CDI hoje permite fazer uma análise indireta da Selic e, portanto, de toda a economia. Valores menores indicam juros menores, que são motivados pelo desenvolvimento ou pela tentativa de aquecer o mercado. O contrário também é verdadeiro e, por isso, a atenção é indispensável.

Qual a relação entre Bolsa de Valores e CDI?

Em primeiro lugar, o CDI pode ser usado como um benchmark para avaliar o desempenho da Bolsa. Se o Ibovespa não superar o valor, pode ser sinal de que outras opções melhores devem ser buscadas.

Também serve para pautar o rendimento de fundos de investimento, inclusive ligados ao mercado futuro. Por falar nas commodities, a relação tem a ver com as condições econômicas.

Se o preço das commodities (milho, soja, café, petróleo, ovo, ouro ou boi, por exemplo) subir, pode haver aumento da inflação e queda da Selic como forma de contornar, o que leva a impactos na taxa CDI. Então, o ideal é ter atenção com essa relação.

O CDI é essencial para muitos investimentos e até para a Bolsa de Valores. Com o seu acompanhamento, é possível ter uma visão melhor sobre as condições de mercado.

Corretora ou Correspondente?
Conheça as vantagens de ser um parceiro do Melhor Câmbio
+ de 1 milhão usuários únicos por mês
+ de 1.600 parceiros
+R$ 1 milhão negociados por dia
Melhore sua
presença digital
Aumente a exposição
da sua marca
Suas taxas atualizadas
em tempo real
Aumente os
seus resultados
Conecte-se a milhares
de usuários
Negocie online através
de um broker
Seja nosso parceiro
Carregue o Melhor Câmbio no bolso com você!
Baixe o App do Melhor Câmbio e monitore a cotação de 22 moedas em tempo real. Crie alertas de câmbio, faça remessas internacionais, consulte commodities, índices econômicos e muito mais.
Google Play Apple Store
© 2022 – MelhorCambio.com Ltda – CNPJ: 23.860.558/001-42
[email protected]

Remessa online com a menor taxa do mercado? Clique Aqui