Variação do Volume de Vendas no Varejo em 12 meses

Volume de Vendas no Varejo em Março 2024

Variação do Volume de Vendas no Varejo em 2024

Invista na solidez do mercado americano, sem taxas e com as facilidades da Nomad
Invista Agora

Variação do Volume de Vendas no Varejo - 25/07/24 às 11:54

Volume de Vendas no Varejo Valor
Variação do Volume de Vendas no Varejo
em 12 meses
5,81%
Volume de Vendas no Varejo
Março 2024
105,86 p
Variação do Volume de Vendas no Varejo
em 2024
0,85%
Volume de Vendas no Varejo
 a 
Invista na solidez do mercado americano, sem taxas e com as facilidades da Nomad
Invista Agora

A variação do Volume de Vendas no Varejo (VVV) acumulada em 12 meses é de 5,81 %.

O Volume de Vendas no Varejo (VVV) em Março 2024 é 105,86 pontos.

A variação do Volume de Vendas no Varejo (VVV) 2024 é de 0,85 %.

O que é o VVV?

A venda e comercialização de produtos ou de serviços, em quantidades reduzidas, ao contrário do atacado, é chamada de varejo. O volume de vendas do varejo (ou VVV), por sua vez, consiste da Pesquisa Mensal do Comércio (PMC), que como o próprio nome diz tem divulgação mensal.

O volume de vendas do varejo é uma pesquisa de empresas que objetiva criar indicadores concretos para o acompanhamento dos principais segmentos do comércio varejista. Essa pesquisa, mais conjuntural, complementa indicadores mais gerais e abrangentes do comércio brasileiro, como a Pesquisa Anual de Comércio (PAC), que visa acompanhar os hábitos de comércio do país.

Para isso, o VVV pesquisa em empresas registradas no Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas (CNPJ), com vinte ou mais funcionários, ocupadas na PAC e cuja receita bruta seja proveniente, predominantemente, da atividade varejista.

No conceito de varejo englobado pela pesquisa, inclui-se tanto o varejo ampliado (que contém vendas de veículos e materiais de construção) quanto o varejo restrito (que não contém vendas de veículos e materiais de construção).

O cálculo e a divulgação da PMC são de responsabilidade do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). A primeira vez que esse indicador foi divulgado foi no ano de 1995, à época englobando apenas a região metropolitana do Rio de Janeiro. Hoje em dia, cada estado tem a sua independência quando se fala na Pesquisa Mensal do Comércio. Isso ocorre de modo a dar indicadores mais precisos, já que o Brasil é um país grande em extensão territorial.

Como o volume de vendas do varejo é calculado?

O volume de vendas do varejo, através da PMC, é calculado por amostragem probabilística realizada em todos os estados. Ela recolhe estimativas dos totais populacionais, referentes à receita bruta variável, por estado e por atividade.

Esses dados são, então, utilizados para montar a pesquisa que é divulgada mensalmente. Os cálculos são realizados com o software X12 ARIMA, do U.S. Census Bureau.

A amostra da pesquisa é probabilística, e dispõe o resultado de onze atividades, que são chamadas estratos naturais. Para cada um destes são criados três estratos, como se fossem sub-estratos:

  • gerencial - empresas que atuam em mais de uma Unidade da Federação;
  • certo - grandes empresas (a depender de sua Receita Bruta de Revenda) atuantes em apenas uma Unidade da Federação;
  • amostrado - empresas não grandes atuantes em apenas uma Unidade da Federação.

Nos estratos G (gerencial) ou C (certo), as empresas são incluídas na amostra em sua totalidade. As empresas do estrato A (amostrado), por sua vez, são selecionadas de forma aleatória simples sem reposição.

São selecionadas amostras em cada estado, o que torna precisa a pesquisa do VVV. O tamanho da amostra de extrato é calculado de modo a assegurar que a variável receita bruta de revenda, em cada estrato natural, tenha uma margem de erro de 10% para variação.

Por que é importante se atentar ao VVV?

A Pesquisa Mensal do Comércio visa refletir o comportamento do varejo no Brasil. Portanto, é possível afirmar que a uma grande importância nesses dados para o mercado como um todo.

O setor de comércio de serviços é um dos que mais emprega no Brasil. Se o setor estiver muito aquecido, mais empregos vão ser gerados. E vice-versa.

Essa importância é refletida também nos investimentos. O crescimento do VVV impacta a Bolsa de Valores e o Produto Interno Bruto (PIB), já que o crescimento do comércio pressupõe uma alta demanda, o que gera uma economia mais aquecida no geral.

Corretora ou Correspondente?
Conheça as vantagens de ser um parceiro do Melhor Câmbio
+ de 1 milhão usuários únicos por mês
1.600+ parceiros integrados
+R$ 1 milhão negociados por dia
Melhore sua
presença digital
Aumente a exposição
da sua marca
Suas taxas atualizadas
em tempo real
Aumente os
seus resultados
Conecte-se a milhares
de usuários
Negocie online através
de um broker
Seja nosso parceiro

Junte-se a mais de 1 milhão de clientes e tenha sua vida financeira global em um único app

Baixe o app da Nomad, crie alertas de câmbio, compre no exterior, faça remessas internacionais, invista na solidez do mercado americano, sem taxas e muito mais

© 2022 – MelhorCambio.com Ltda – CNPJ: 23.860.558/0001-42
[email protected]
Invista na solidez do mercado americano, sem taxas e com as facilidades da Nomad
Invista Agora